O físico

20171003_125152.jpg

 

Informações gerais: escrito por Noah Gordon, lançado pela editora Rocco. Ficção – ficção histórica.

Sinopse (retirada da parte de trás do livro):  ” Um homem: Robert Jeremy Cole.
Um dom: o quase místico poder da cura.
Um objetivo: aprimorar seus conhecimentos na ciência, ainda incipiente, pela qual se apaixonou – a medicina.
Obcecado em contrariar as forças da morte e da doença, Rob J. abandona o obscurantismo da Europa medieval rumo ao esplendor do Oriente, onde despontam as primeiras descobertas dessa ciência fascinante que teima em desafiar Deus.”

Esse livro me foi indicado, confesso que antes não tinha nenhum pretensão de lê-lo, porém falaram que eu iria gostar… e aqui estou eu agora escrevendo uma resenha sobre ele. Se eu fosse resume esse livro em algumas palavras seria: excelente estória e escrita maravilhosa, mas bem descritiva, podendo ser cansativa e/ou lenta dependendo do humor ou do gosto da pessoa. Não achei cansativa, mas a estória demorou para se desenrolar e seu inicio é a parte mais desafiante de todo o livro.

A parte da infância de Robert Jeremy Cole é a mais difícil de ler, é aquele momento de apresentação do personagem e do ambiente onde ele está; para mim, foi o momento também de conhecer e se adaptar a escrita do autor. Nesse começo fiquei com medo de não gostar do livro, e só não me desesperei porque assisti o filme  e lembrei que a estória iria ser, pelo menos em alguns momentos, empolgante. Contudo, depois da página 30 e poucos a estória já foi me conquistando, assim que Robert começa a se encaminhar para a arte da medicina. É claro que o livro continua com sua escrita minuciosa, mas a partir do capítulo 4 passei a gostar desse estilo, mesmo me fazendo demorar mais a terminar essa leitura.

O autor divide o livro em partes bem definidas na vida do personagem, e em cada uma delas o personagem vai se desenvolvendo, encontrando novos desafios e aprendendo mais, não só na medicina, como em outras áreas. Achei bonito vários momentos de evidente crescimento e/ou conclusões feitas por Cole, assim como em vários outros fiquei meio chateada com as atitudes dele. A leitura então me fez ir além do que eu esperava, de conhecer e acompanhar a vida de homem com destino de aprender a arte da cura, ela me fez viajar a vários locais  no século XI e de aprender mais sobre diversas culturas.

Noah Gordon me surpreendeu ao escrever com tanta sensibilidade sobre certos assuntos, principalmente quando percebi que este livro foi escrito em 1986. As mulheres, mesmo não tendo muitas, não são tolas ou superciciais, mas com cada uma com seus defeitos, suas qualidades e suas personalidades únicas. Inclusive há um romance muito lindo nesse livro, pelo qual o casal para mim pareceu muito real e o qual me apaixonei desde seu início, principalmente, pela personagem feminina. As religiões também me pareceram ser descritas de forma bem respeitosas, tendo críticas ou questionamentos mais em relação ao modo em que se envolviam nos estudos daquela época, de como suas escrituras podem ser interpretadas de diversos modos ou de como cada um lidava com a outra religião dependendo do local onde o Rob estava. Há também várias situações sociais que ainda podemos encontrar hoje, como a ambição cega pelo poder ou a intolerância religiosa.

Ou seja, o autor me trouxe muitas reflexões sobre a sociedade atual e muito conhecimento sobre o período em que se passa a estória. O livro possui bastante conteúdo por ser tão descritivo, mas o escritor faz isso com cuidado, carinho e tornando seu livro apaixonante a cada página lida. Não se tornou um dos meus escritores favoritos, entretanto gostei bastante do livro e pretendo ler mais livros de Noah Gordon.

 

Amor a todos ❤

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s